Trabalhando a criança com deficiência no ambiente escolar

Quando pensamos em uma escola para a criança ou jovem com deficiência, precisamos estar atentos a alguns fatores muito importantes que devem fazer parte da rotina. A escola deve ser um ambiente acolhedor e estimulante, que visa o desenvolvimento do aluno como um todo.

Nós, da UEPA, pensamos sempre na independência de nossos alunos, sempre orientando, auxiliando e facilitando atividades, mas nunca fazendo por eles. Esse senso de independência faz toda a diferença no ambiente escolar.

Separamos abaixo alguns pontos importantes:

O aluno cadeirante não pode ficar na cadeira de rodas o tempo todo, isso pode causar problemas circulatórios, dores e mal-estar. O ideal é intercalar o uso da cadeira de rodas com parapodium, andador e cadeira escolar, sempre de acordo com a indicação dos terapeutas.

Mesas e cadeiras devem ser adaptadas individualmente, de acordo com as necessidades de cada aluno. Adaptações corretas promovem conforto e bem-estar, além de ajudarem na concentração e na realização de atividades.

O conteúdo pedagógico precisa ser adaptado para que cada aluno possa se desenvolver e absorver conhecimento.
Adaptações para a escrita e para o manuseio de materiais também são necessárias.

Estabelecer uma forma de comunicação com o aluno faz toda a diferença em seu desenvolvimento. É preciso saber se ele está entendendo o que está sendo transmitindo e também oferecer formas para ele se comunicar. Recursos de tecnologia assistiva, como tablets, computadores, acionadores, e etc, devem ser utilizados em sala de aula.

As aulas de educação física também podem e devem ser adaptadas!

O aluno bem trabalhado no ambiente escolar apresenta reflexos positivos no desenvolvimento motor, cognitivo, comportamental e social.

Venha conhecer nosso trabalho pessoalmente, agende uma visita:

Rua Roque Petrella, 346 – Brooklin – São Paulo / SP

(11) 5041-9014

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *